cantor-henrique-lemes-idolos

Como vai você? – Bate-papo com Henrique Lemes, o guaramirense vencedor do Ídolos 2011

Clique para compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Você provavelmente deve se lembrar do garoto de 15 anos de Guaramirim que venceu o programa Ídolos em 2011, certo? Mas você sabe o que aconteceu com ele? Por onde ele anda e o que ele faz agora?

Pois, bem! Esta é a primeira matéria da nova série do Por Acaso “Como Vai Você?”, que vai mostrar o que pessoas muito conhecidas de Jaraguá do Sul e região no passado, estão fazendo agora. O cantor Henrique Lemes, hoje com 24 anos é o escolhido para dar início a série.

Imagem compartilhada pela torcida do cantor nas redes sociais em 2011

Lemes foi campeão da sexta edição do reality show musical da Rede Record, mudou para São Paulo, se apresentou em diversas cidades do país e passou por momentos difíceis até decidir voltar para Santa Catarina.

O começo de tudo

Em 2011, 49 mil pessoas se inscreveram para o reality Ídolos, que teve pela primeira vez votações feitas pela internet, além das votações via SMS.

Henrique Lemes participou das audições do programa que aconteceram em Florianópolis. Para convencer os jurados de que merecia uma chance, ele cantou o sucesso “A Fila Anda” de Leonardo – veja no vídeo abaixo.

A técnica e a maturidade vocal de Henrique surpreenderam os jurados e garantiram a ida do jovem para a próxima etapa, realizada em São Paulo.

Quando restaram apenas dez finalistas, o guaramirense e os outros nove candidatos ficaram isolados em uma mansão.

Lá, eles recebiam treinamento com uma fonoaudióloga, gravavam as guias das músicas das próximas apresentações, tinham aulas com um coreógrafo entre outras atividades.

Henrique apresentando-se no auge da competição. Foto: Divulgação

“Parecia um Big Brother, só que sem as câmeras”, brinca Henrique. O jovem saiu do local duas vezes, ambas para ir ao hospital. “Por causa da pressão e do nervosismo, minha imunidade baixava e eu ficava doente”, comenta.

Na grande final do programa, Henrique cantou a música “Madri”, de Fernando e Sorocaba e foi o campeão do reality com mais de 4 milhões de votos do público – veja apresentação no vídeo abaixo.

Lemes conta que a ficha de que era o campeão do reality só caiu quando foi para o Rio de Janeiro gravar o CD. “Eu andava na rua e as pessoas me paravam porque me reconheciam”, conta.

Ao voltar para Guaramirim, depois de vencer o programa e gravar um CD, Henrique Lemes desfilou pela cidade no caminhão dos bombeiros com direito a sirenes ligadas.

A campanha para que o garoto vencesse a competição foi grande em Santa Catarina e quando voltou, Lemes fez um show de agradecimento no Planeta Sertanejo, festival que acontecia em comemoração ao aniversário de Guaramirim.

Capa do álbum gravado. Foto: Divulgação

“Foi o show que mais marcou a minha vida”, destaca. Segundo ele, quando chegou no local do evento, duas horas antes do início, não havia ninguém. Mas quando subiu ao palco, mais de 8 mil pessoas o assistiam, em pleno domingo.

Dividindo o palco e realizando um sonho. Foto: Divulgação

A vida em São Paulo

Depois que o programa terminou, Henrique morou em São Paulo por cinco anos. Na Terra da Garoa, ele teve a oportunidade de se apresentar com cantores de quem era fã, como a dupla Zezé Di Camargo & Luciano.

“Eles eram meus ídolos na música desde criança e foi um sonho subir no palco com eles”, relembra. O guaramirense também cantou ao lado de Cristiano Araújo, Michel Teló, Gustavo Lima e outros grandes nomes.

O período na capital paulista foi de muito aprendizado para Henrique, um garoto na época. “Eu estava aqui, vivendo uma rotina normal, estudando e saindo com meus amigos e, de repente, estava lá, no meio de uma galera totalmente diferente”, observa. A vivência na cidade grande foi uma escola para o cantor. “Eu cresci muito, tanto como profissional quanto pessoa”, garante. “Aproveitei o máximo que pude”, emenda, mas ainda em São Paulo, as coisas começaram a ficar difíceis para o jovem Henrique.

“Tive quatro empresários, um atrás do outro, e pude enxergar como o mercado da música é realmente complicado” desabafa. “Querendo ou não, só ter talento não basta”, completa.

Para ele, além de ter uma ótima equipe por trás do cantor, é preciso de um pouco de sorte para gerenciar os trabalhos e a agenda. A medida que o tempo passava, Lemes se sentia cada vez mais cansado e desgastado com a rotina atribulada e as decepções profissionais.

“Tive muitas turbulências ao longo da minha carreira e isso foi cansando a minha mente”, lembra. Em 2016, ele decidiu largar a carreira musical e voltar para casa.

No período em que viveu em São Paulo, ele costumava visitar a família todos os meses e enquanto estava por aqui, fazia shows e apresentações na igreja evangélica que a mãe dele frequentava.

“Quando voltei para Guaramirim, estava meio fraco espiritualmente e precisava de um refúgio”, avalia. Naquele momento, Henrique enfrentava uma depressão e dependia de remédios para ficar bem. Foi nesse contexto que ele se aproximou ainda mais da religião.

Ele conta que certa vez tentou parar de usar o medicamento e, em pouco tempo, sofreu com sintomas de abstinência

De volta ao lar. Foto: Redes Sociais

“Foi só depois de começar a frequentar a igreja regularmente que eu consegui abandonar as pílulas”, revela.

Vida simples em família

Hoje, Henrique trabalha feliz na padaria da família fazendo bolos e doces. Ele também ajuda no atendimento dos clientes. “É um negócio que já tem 17 anos”, orgulha-se.

A rotina dele é focada cada vez mais no trabalho, já que logo o rapaz deve assumir completamente a direção do estabelecimento, para que o pai possa ficar mais tranquilo e descansado.

Mesmo gostando de estar na cozinha, Henrique sente falta da vida corrida na capital paulista. “No começo, eu achava estranho e até me assustei da primeira vez que saí na rua e fui reconhecido, mas depois acostumei com a correria do dia a dia e até do trânsito”,  afirma ele.

A vida de Henrique agora é focado no trabalho e na igreja. Foto Eduardo Montecino / OCP News

Apesar de ter deixado o sertanejo de lado, o guaramirense não abandonou a música por completo. Aos fins de semana ele toca e canta na igreja. “Hoje minha vida é diferente, mais focada em trabalhar e nas coisas de Deus”, garante.

As participações na igreja não são profissionais, mas ele não descartaria a gravação de um CD de música gospel se a oportunidade surgisse. “Eu não penso nisso como um trabalho mesmo”, explica. “Não tenho mais vontade de largar tudo e viver só da carreira de novo”, analisa.

Clique para compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Autor:

“Como vai você?” é uma série sobre o reencontro com personagens de painéis, comunidades ou acontecimentos de nossa região. Pessoas de quem lembramos vez ou outra, e agora sentimos falta e queremos chamar para bater um papo. Você tem um nome para sugerir? Queremos sua dica! Pode deixar nos comentários do Facebook ou do Instagram, nossa caixa de emails também está à disposição: contato@poracaso.com.

VOCÊ TAMBÉM VAI QUERER LER

Uma resposta para “Como vai você? – Bate-papo com Henrique Lemes, o guaramirense vencedor do Ídolos 2011”

  1. Ricardo Daniel Treis Ricardo Daniel Treis disse:

    Achei muito legal essa ideia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *